6 de mai de 2016

Kid Abelha anuncia fim da banda

Por Mary Camata

Pra quem ainda não sabe, a banda Kid Abelha anunciou no final do mês de abril o fim do grupo após mais de três décadas de carreira. Formada por Paula Toller, George Israel e Bruno Fortunato, o grupo criou grandes hits como “Como eu quero”, “Fixação”, “Lágrimas e Chuva”, “Nada sei” e "Pintura íntima", músicas que fizeram parte da adolescência de muitos de nós.

Formado nos anos 1980, o Kid Abelha gravou no total 16 discos e suas músicas sempre são tocadas por outras bandas. Em entrevista ao site O Dia, a cantora Paula Toller relembrou a trajetória do grupo e afirmou que a banda que durou 30 anos terminou por sua decisão. Ao ser questionada sobre o futuro do grupo, a cantora afirmou que o Kid Abelha acabou. "Acabou carreira de show, disco. Foi uma decisão minha, difícil, demorada, mas teve uma hora em que eu não sentia mais o espírito de grupo", declarou ela, que ainda acrescentou: "Já estava desestimulada de lançar coisas novas. Mas foi muito bom enquanto durou".

Eu seu perfil do Facebook, Paula falou que tiveram um final suave, evitando o sensacionalismo, com a convicção de que a trajetória vitoriosa sempre se deveu ao entusiasmo e dedicação sempre renovados a cada disco. “A vontade de experimentar outras formas de criar e o desgaste natural de tanto tempo juntos nos levaram a essa decisão”, continuou.

Os membros da banda já alardeavam o fim da banda, mas ainda não haviam feito um pronunciamento oficial. “Foram três décadas de sucesso, aventuras, amizade, e também de momentos difíceis, altos e baixos dessa carreira desafiadora que escolhemos. Pela nossa filosofia e pelo amor à música, nunca tivemos o dinheiro como norte, e sim como consequência (ou não) de um trabalho original e bem realizado, que se tornou paradigma de pop-rock brasileiro”, finalizou.


Nenhum comentário: