18 de jul de 2008

Banda Estróina: O rock da Expojipa


Bom, querer ouvir rock em plena Festa de Rodeio é locura da minha cabeça. Foi o que eu ouvi nos bastidores da Expojipa. Mais sempre rola alguma banda de rock pros roqueirinhos em meio a muita música sertaneja, cheiro de cavalo e o inexplicável créu na barraca do capeta.
Eu sei que eu deveria ter tirado uma foto daquela cena, centenas de seres com anteninhas de capeta (é isso mesmo, estavam vendendo arquinhos com chifres que piscavam), mais eu não tive coragem de passar devagar perto daquelas pessoas dançando créu enlouquecidas em volta das barracas de Capeta. ( Será que os chifrinhos foram propositais?)
Bom, mais rolou uma banda de rock sim que por sinal da capital Porto Velho, que eu ainda não conhecia. Banda Estróina. Como eu estava trabalhando no evento, eu não acompanhei o show todo, mais vi umas duas músicas próprias e um cover do Capital Inicial. A banda que tem um vocalista que deve ser da época do Nazi (Ira!), não me leve a mal a comparação, mais deu pra perceber que a banda tem influencias do rock mais antigo (ainda bem).
Recebi algumas matérias de que a Banda Estróina se escreveu para o Grammy Latino, e recebi também uma matéria do Luiz Carlos que diz assim:
- O vocalista Helder Guimarães elogiou a festa e destacou a animação dos jovens. Segundo ele, nem todos os jovens estão bitolados, ouvindo músicas sem sentido e com letras sofríveis. “Ainda há quem curta um bom rock in roll”, contenta-se.
* Como que os jovens não estão abitolados e não ouvem músicas sem sentido si bem próximo ao palco centenas de pessoas ouvia e dançava como si tivessem sido possuídas um funk nervoso, com letras sofrííveis né Helder. Mais, ainda bem que tem gente que não é "bitolada", eu por exemplo. risos
Mais então, achei bacana a banda Estróina, não sei si eu gostei pq meus ouvidos já não aguentavam mais ouvir músicas sertanejas ou porque os caras são realmente bons, mais naquele momento era o que a gente precisava pra distrair um pouco, O velho rock and roll.
Me deu saudade também da Maria Melamanda, que também era de PVH e eu confesso que eu gostava muito deles (tenho até um cdzinho que rola no meu carro de vez enquando.) Então, desejo boa sorte a Banda Estróina e que si eles não ganharem o Grammy Latino, que não se preocupem pq eles limparam um pouco os nossos ouvidos durante a Expojipa.

Nenhum comentário: