30 de jun de 2010

Sinta-se no Céu

Por Bianca Carvalho

A MPB contemporânea deu mais um passo. Maria do Céu Whitaker Poças ou simplesmente Céu. Cantora, compositora, brasileira e paulistana de apenas 30 anos que já chegou ao topo do ranking de revelação da revista Norte-Americana Billboard e alcançou a posição mais alta nas paradas dos Estados Unidos, desde a música "Garota de Ipanema", em 1963.

Fora do Brasil, seu nome transformou-se em sinônimo de sucesso, conseguindo ótima receptividade em vários países. Em 2007, foi indicada para o Grammy na categoria melhor álbum de world music contemporânea, e apresentou-se na abertura dos XV Jogos Panamericanos, no Rio de Janeiro. O que explica o fato dela já ser considerada por muitos críticos a princesinha da MBP. Céu começou cedo, decidiu entrar no mundo da música aos quinzes anos por interferências musicais na infância, seu pai era compositor, arranjador e músico.

O seu segundo álbum intitulado Vagarosa estava sendo aguardado com ansiedade pelos fãs e críticos, não só pelo tempo que a cantora demorou a lançar cerca de 4 anos, mas também pela repercussão de seu primeiro. O cd foi produzido pela própria artista juntamente com Beto Villares, Gustavo Lenza e Gui Amabis e resulta numa mistura de variados ritmos, que vão desde o samba até o reggae. Mais autoral que o disco anterior e menos comercial, o álbum é composto por treze faixas, sendo doze de sua própria autoria.

A paulistana vem encantando não só pela voz doce, mas pelo carisma e beleza, que no decorrer do disco deixam as músicas uma sensação envolvente e agradável. Além da jazzística Nascente que possui uma sonoridade distintiva, destacam-se Rosa Menina Rosa que trás uma psicodélica releitura do primeiro disco Samba Esquema Novo de Jorge Benjor e Babuia, filosofia do tipo Deixa Vida me Levar, de Zeca Pagodinho. Cada canção tem uma particularidade diferente sem usar as melodias em torno de clichês, há também participações de outros músicos convidados.

Céu tem uma voz nítida e bem trabalhada, para quem teve a oportunidade de ver um show dela sabe bem do que estou falando. Os arranjos ao vivo são praticamente idênticos aos do CD e ela consegue juntar todo seu gingado com a música. Vagarosa é simplesmente um disco agradável e diferente. Céu é uma importante cantora no cenário nacional, com algumas críticas a elegendo como a melhor cantora dos últimos tempos. A linha excêntrica do CD é a condição para sua qualidade.

Nenhum comentário: